Classificação morfossintática

Cerceado é um Verbo, particípio de cercear;
Cerceado é um Adjetivo, masculino singular ;

Impedido; desautorizado; bloqueado.

Por não lhe deixarem falar, teve seu direito de defesa cerceado.
  


Diminuir o valor ou a qualidade de; depreciar, menoscabar
impôr limite a, tornar menor; diminuir, limitar, restringir

Cerceiam a criação com normas impertinentes
cercearam informações ao povo

cerceiam as glórias passadas
cercear aos mais humildes suas conquistas
  

Significa privar, tirar o direito, deixar sem alguma coisa.

O padre cerceou-me o direito de me casar de véu e grinalda só porque estava grávida.
  


Que foram cortados pela raiz, aparados, podados.

As árvores foram cerceadas.
  

Gerúndio do verbo cercear.
Cortando, podando, deixando na raiz.

Os trabalhadores estão cerceando as árvores.
  


Particípio passado do verbo cercear.
ADJ. Que foi aparado, cortado. É geralmente um termo usado na botânica.

Aquela flor já foi cerceada.
  

Particípio passado de "cercear".

"Se não tomares liberdade, as tuas liberdades não serão cerceadas.?
  

Aparou, cortou pela raiz, limitou, restringiu.

Ele encerrou a audiência e cerceou todo o caso.
  

Ato de cercear, cortar pela raiz.
Fazer com que fique menor.

Os chefes cerceiam os gastos na empresa todo mês.
  

Acto de cercear. Em Numismática, cerceio é o acto de aparar as extremidades de uma moeda para aproveitar as aparas. O cerceio provocava a diminuição do valor intrínseco da moeda, razão porque foi tão aplaudida a moeda de ouro de 500 reis mandada fazer por D. Sebastião em 1562, conhecida pelo nome de "Engenhoso", obra do artista vimaranense, João Gonçalves.

Escreveu o Padre António José Ferreira CALDAS: "João Gonçalves, o Engenhoso, nasceu nos princípios do século XVI e conquistou em letras um dos primeiros lugares entre os cultores delas. É um dos filhos mais gloriosos de Guimarães como assombro dos matemáticos da sua época, pelos seus inventos de artefactos, sem nunca ter cultivado as ciências. Em 1562, por ordem del-rei D. Sebastião, gravou com raro primor uma moeda, à qual se deu o cognome, que ele tinha. Era de ouro e valia 500 réis.
A este respeito diz o nosso ilustre patrício nas suas REMISSIONES DOCTO-RUM, etc.: No ano de 1562, reinando El-Rei D. Sebastião, se bateram umas moedas de quinhentos réis, que chamaram do engenhoso, por inventar o engenho com que se lavrou esta moeda João Gonçalves, o engenhoso, natural da Vila de Guimarães, o qual ordenou o dito engenho de maneira, que as moedas saiam fundidas de peso, e com um círculo ao redor para se não poderem cercear, sem que se visse, e enxergasse. Foi um dos notáveis homens de engenho que houve no mundo; inventou e fez muitas coisas neste Reino de muita habilidade, e espanto, por ser nascido e criado na dita Vila de Guimarães sem sair dela, salvo ao tempo que el-Rei D. João o III se quis servir dele».
No MAPA DE PORTUGAL ANTIGO E MODERNO lê-se a descrição desta moe-da, que tinha duma parte a cruz com a letra In hoc signo vinces, e do outro lado o escudo do reino, com a letra Sebastian. I Rex Portugal.
  

Outras informações sobre Cerceado:

Palavras com 8 Letras
A Palavra Cerceado possui 8 Letras
A Palavra Cerceado possui 4 vogais - e ea o
A Palavra Cerceado possui 4 consoantes - c rc d
A Palavra Cerceado ao contrário: Odaecrec
Busca reversa Onomasiológica por Cerceado

2 páginas - 17 Definições



Dicionário inFormal - Dicionário online de Português