Canto ou poema nupcial, em homenagem às bodas de alguém.

O poeta árcade Basílio da Gama só escapou de ser exilado em Angola graças a um epitalâmio que fez em homenagem ao casamento da filha do Marquês de Pombal, Dona Maria Amália, do qual se tornou secretário. O poema começa assim.

Epitalâmio da Exma. Sra. D. Maria Amália

I

Ninfas desta aspereza aos Céus vizinha,
Cingi-me a frente do arrojado loiro:
Torne a correr a mão cansada minha
C'o plectro de marfim as cordas de ouro.
Ouça dos sete montes a Rainha,
Ouça o Danúbio, o pátrio Tejo, e o Douro.
Amor na minha cítara se esconda,
E Amália, Amália o Eco me responda.
  


Cântico nupcial, de natureza religiosa, destinado a reivindicar para os noivos a bênção dos deuses. Também chamado himeneu, em evocação a Himeneu, deus grego do casamento.

Epitalâmio ao casamento da senhora D. Maria com o SenhorAlexandre Farnese, de António Ferreira;
Epitalâmio às bodas da Senhora Condessa de Sampaio, de ReisQuita
  

Outras informações sobre Epitalâmio:

Palavras com 10 Letras
A Palavra Epitalâmio possui 10 Letras
A Palavra Epitalâmio possui 6 vogais - e i a a io
A Palavra Epitalâmio possui 4 consoantes - p t l m
A Palavra Epitalâmio ao contrário: Oimâlatipe
Busca reversa Onomasiológica por Epitalâmio

1 página - 2 Definições