Classificação morfossintática

Fábula é um Substantivo, feminino singular ;

Fábula é uma narração breve cujas personagens via de regra são animais que pensam, agem e sentem como os seres humanos.
Esta narrativa tem por objeitvo transmitir uma lição de moral.

As duas panelas.
A raposa e o corvo.
  


A fábula é um gênero narrativo que surgiu no Oriente, mas foi particularmente desenvolvido por um escravo chamado Esopo, que viveu no século 6º. a.C., na Grécia antiga. Esopo inventava histórias em que os animais eram os personagens. Por meio dos diálogos entre os bichos e das situações que os envolviam, ele procurava transmitir sabedoria de carác ter moral ao homem. Assim, os animais, nas fábulas, tornam-se exemplos para o ser humano. Cada bicho simboliza algum aspecto ou qualidade do homem como, por exemplo, o leão representa a força; a raposa, a astúcia; a formiga, o trabalho etc. É uma narrativa inverossímil, com fundo didático. Quando os personagens são seres inanimados, objetos, a fábula recebe o nome de apólogo. A temática é variada e contempla tópicos como a vitória da fraqueza sobre a força, da bondade sobre a astúcia e a derrota de preguiçosos.

Eu adoro ler fábulas
  

Fábula é uma narrativa, alegórica cujos, os personagens geralmaenmte sao animais, e cujo o desenlace reflete uma lição moral.

  


A fábula é uma narrativa curta e imaginária, com um objetivo pedagógico e moral, geralmente protogonizada por animais ou seres inanimados.

Um importante escritor de fábulas foi Esopo.
  

Nome dado para as histórias inventadas que tem como objetivo um lição de moral.

Fábulas é uma história grande.
  


Pequena história que expressa um ensinamento, como o apólogo, ms que geralmente tem animais como personagens.

A formiga e a pomba é uma fábula
  

Fábula é uma narrativa, alegórica cujos, os personagens geralmente são animais e cujo o desenlace reflete uma lição moral.

A cigarra e a formiga é uma fábula conhecida
  

Extraído da imaginação.

Que amanhã vai chover, isso é "conto do vigário", é fábula.
  

A fábula é um gênero narrativo que surgiu no Oriente, mas foi particularmente desenvolvido por um escravo chamado Esopo, que viveu na Grécia antiga. Esopo inventava histórias em que os animais eram os personagens. Por meio dos diálogos entre os bichos e das situações que os envolviam, ele procurava transmitir sabedoria de carácter moral ao homem. Assim, os animais, nas fábulas, tornam-se exemplos para o ser humano. Cada bicho simboliza algum aspecto ou qualidade do homem como, por exemplo, o leão representa a força; a raposa, a astúcia; a formiga, o trabalho etc. É uma narrativa inverossímil, com fundo didático. Quando os personagens são seres inanimados, objetos, a fábula recebe o nome de apólogo. A temática é variada e contempla tópicos como a vitória da fraqueza sobre a força, da bondade sobre a astúcia e a derrota de preguiçosos.

Fábulas pode ser utilizado para ensinar.
  

Histórias pequenas que contêm estrofes e versos.

A raposa e as uvas.
  

Outras informações sobre Fábula:

Palavras com 6 Letras
A Palavra Fábula possui 6 Letras
A Palavra Fábula possui 3 vogais - a u a
A Palavra Fábula possui 3 consoantes - f b l
A Palavra Fábula ao contrário: Alubáf
Busca reversa Onomasiológica por Fábula

1 página - 10 Definições



Dicionário inFormal - Dicionário online de Português