Morgado

39 Definições encontradas.

Classificação morfossintática

Morgado é um Verbo, particípio de morgar;

Senhor de um morgadio, habitualmente o filho mais velho.

"viver como um morgado" = viver na ociosidade, sem preocupações financeiras, com mesa farta
  


Aquela pessoa que está triste, cansada, exausta, debilitada.

Hoje estou morgado, não vou sair nem de casa!
  

1 - O verbo Morgar, significa dormir (Gíria Estudantil Ouropretana).

Morgado significa também agarrado

Ex1: Vou dar uma morgada= Vou dar uma deitada= vou dou dormir.

EX2: Ele está morgado até agora. Pelo visto, não vai se levantar a tempo de almoçar no Restaurante da Universidade;

Ex3: Ele passou morgado no pescoço da Garota, tão grudados, como se fossem uma única pessoa.
  


Filho primogênito ou herdeiro de possuidor de bens vinculados. O vínculo entre um pai e sua descendência no qual seus bens são transmitidos ao filho primogênito ou herdeiro, não podendo ser vendidos ou alienados. A idéia era garantir seu estatuto económico-social inibindo o empobrecimento das famílias devido às sucessivas partilhas.

Como Claudio não possuia filhos, João tornou-se seu morgado, após sua morte.
  

Filho mais velho (primogénito), varão, que no regime de morgadio, herdava a totaldade da herança, sem que a pudesse posteriormente alienar. Este regime destinava-se a evitar a dispersão das propriedades na sequência das partilhas das heranças.

Na sala, o Morgado da Fonte Santa comentava, amargurado, a recente Carta do Senhor D. Luis I, datada de 19 de Maio de 1863, que exinguira o regime de morgadio.
  


S.m. - filho primogênito ou herdeiro de possuidor de bens vinculados; filho mais velho ou filho único; (fig.) coisa muito rendosa; pl. espécie de pastel.

"A morgadinha dos Canaviais", romance do escritor português Júlio Dinis, publicado em 1868.
  

O filho mais velho de uma família. No caso de ser uma mulher, é a morgada;

A morgadinha dos canaviais, título de romance de Júlio Diniz.
  

O morgado é um vínculo entre um pai e sua descendência no qual seus bens são transmitidos ao filho primogênito, sem que este os possa vender mas pode e deve acrescentar bens ao morgadio. Os direitos de morgadio são os mais cerrados da sucessão de bens para a perpetuação dos bens na linhagem da família.

O morgadio é uma forma de organização familiar que cria uma linhagem, bem como um código para designar os seus sucessores, estatutos e comportamentos.

Esta instituição vincular tem origem na legislação castelhana e, embora seja adoptada por Portugal antes, só entra na legislação portuguesa com as Ordenações Filipinas de 1603.

Por extensão, o morgado é também o filho mais velho de um casal, beneficiado pelo morgadio ou não.

O morgadio consistia num vínculo de terras, rendas ou outros utensílios provenientes de uma determinada profissão, feito pelo respectivo instituidor. Estes bens assim vinculados não podiam ser vendidos nem de outra forma alienados, cabendo ao respectivo administrador (o morgado) o cumprimento das determinações do instituidor, o usufruto do morgadio e o gozo dos rendimentos proporcionados pelos bens vinculados. Só com expressa autorização real era possível vender ou trocar parte desses bens vinculados, ou mesmo a extinção do morgadio. Mas era possível acrescentar bens ao morgadio, e por vezes a instituição do vínculo obrigava mesmo que cada administrador lhe acrescentasse a sua terça.

As regras de sucessão na administração do morgadio eram definidas pela respectiva instituição. Em geral, sucedia o filho primogénito e, à falta de filhos, o parente mais próximo.

O morgadio difundiu-se como um forma de contrariar o empobrecimento das famílias devido às sucessivas partilhas, servindo, assim, para manter o seu ramo principal com o suficiente estatuto económico-social. A instituição de morgadios estava normalmente associada à instituição de capelas e ao cumprimento dos chamados “bens de alma” definidos pelo instituidor, sendo esta também uma razão para a sua difusão. Existiram no entanto outro tipo de morgadio, associado a determinadas profissões, nomeadamente na distribuição do correio e também a algumas profissões mecânicas ou artesanais.

Nem sempre o morgadio esteve associado a bens imóveis.

Uma das razões que levou à sua extinção, foi o empobrecimento dos filhos não primogénitos.

Os morgadios foram extintos em Portugal no reinado de D. Luís I por Carta de Lei de 19 de Maio de 1863, subsistindo no entanto o vínculo da Casa de Bragança, o qual se destinava ao herdeiro da Coroa. Este último morgadio viria a perdurar até 1910.

Em Castela, conhecido como mayorazgo, fez parte das leis desse reino desde 1505 (Leyes de Toro) até à Ley Desvinculadora de 1820.
  

Do latim "maioricatu" - o filho mais velho.

Somente pela morte do morgado poderia ele herdar o direito de primogenitura.
  

Qualidade atribuída a um bem. Bens de morgado: o mesmo que vinculados. Bens que ttem destinação definida, ficando o herdeiro limitada na utilização do bem àquela definição. Com o passar do tempo a palavra morgado passou a designar esses tipos de bens.

José Manoel herdou um morgado, vai morrer explorando o mesmo ramo que seu ancestral.
  

Outras informações sobre Morgado:

Palavras com 7 Letras
A Palavra Morgado pode ser um palavrão/ofensiva
A Palavra Morgado pode ser uma gíria/informal/sigla
A Palavra Morgado possui 7 Letras
A Palavra Morgado possui 3 vogais - o a o
A Palavra Morgado possui 4 consoantes - m rg d
A Palavra Morgado ao contrário: Odagrom
Busca reversa Onomasiológica por Morgado
Visualize Morgado

Compare morgado com outras palavras

Descubra a diferença entre morgado e outras palavras
 morgado ou trabalhador  morgado ou disposto  morgado ou viril  morgado ou forte  morgado ou treabalhador esforçado porreta  morgado ou esperto  morgado ou ligado  morgado ou atento  morgado ou animado  morgado ou agitado  morgado ou alegria  morgado ou entusiasmo  morgado ou encantador  morgado ou revigorado  morgado ou renovado  morgado ou empregado de balcão  morgado ou experto  morgado ou relaxado  morgado ou energizado  morgado ou aceso  morgado ou preguicoso  morgado ou cansado  morgado ou exausto  morgado ou esgotado  morgado ou propriedade vinculada ou conjunto de bens vinculados que não podiam alienar-se ou dividir-se e que geralmente  morgado ou por morte do do possuidor  morgado ou passavam para o filho mais velho  morgado ou possuidor desses bens  morgado ou fraco  morgado ou vadio  morgado ou vagabundo  morgado ou mamado  morgado ou sonolento  morgado ou desligado  morgado ou ferrado no sono  morgado ou dormiu  morgado ou apagou  morgado ou amurrinhado  morgado ou murrinha  morgado ou sem ânimo  morgado ou vagabundo  morgado ou manso  morgado ou ociosidade  morgado ou parado  morgado ou morgadio - adj  morgado ou relativo a morgado  morgado ou s  morgado ou m  morgado ou bens de morgado  morgado ou qualidade de morgado  morgado ou morgado  morgado ou estar fora do ar  morgado ou estar alheio  morgado ou alienação  morgado ou morgadio  morgado ou triste  morgado ou melancólico  morgado ou abatido  morgado ou quieto  morgado ou sem graça 

4 páginas - 39 Definições