Sonata

Por (ES) em

Significado de Sonata:

Na origem do termo, sonata era uma música para instrumentos de sopro ou para cordas.

Com o passar do tempo, sonata passou a designar uma obra musical em vários movimentos cuja estrutura era definida.

A sonata clássica, desenvolvida por Mozart no Classicismo, era constituída de três ou quatro movimentos:

Um primeiro movimento rápido, cuja forma se baseava na forma-sonata; um movimento lento, geralmente em forma de variações; um movimento dançante (um minueto, por exemplo, remanescente da suíte); movimento final, de caráter enérgico e conclusivo.

No Barroco, o termo sonata era usado para definir qualquer gênero puramente instrumental (e cantata era um gênero vocal).

Obviamente essa estrutura era modificada de acordo com o compositor. Todavia, permaneceu como principal meio de composição até meados do século XX.

Obs.:

1 ) A Forma-sonata, ou forma sonata allegro, normalmente referenciada desta forma para diferenciá-la do gênero musical chamado simplesmente "sonata", é uma forma musical típica do Classicismo. Consiste em três partes, a saber:

Exposição: nesta parte, são expostos os temas principais da peça, geralmente dois ou três.

Desenvolvimento: os temas principais sofrem diversas variações e modificações, em vários tons distintos.

Recapitulação: os temas principais são reapresentados, mas em tonalidades diferentes da exposição - geralmente na dominante. É comum que haja também mudanças na forma de execução, como a mudança de intensidade ou velocidade.
É comum existir uma introdução antes da exposição, e uma coda depois da recapitulação.

Esta forma de composição constitui o núcleo da música do período Clássico e teve também grande significado no período Romântico. A maioria dos gêneros desse período, como a sonata propriamente dita, o concerto, a sinfonia, o quarteto de cordas e o divertimento têm pelo menos algum movimento em forma-sonata. Esta forma também é comum nas aberturas de ópera desse período.

2 ) A "sonata clássica" é uma composição para instrumentos solistas, geralmente piano, em três movimentos (normalmente dois rápidos e um lento), sendo um deles escrito na forma tradicional (exposição, desenvolvimento, reexposição).


Exemplo do uso da palavra Sonata:

As sonatas de Domenico Scarlatti, por exemplo, eram sonatas barrocas compostas no esquema A-B (pesquise!).

Os compositores que mais escreveram sonatas clássicas foram Mozart, Haydn e Beethoven.