Arnoldisuasnega

Usuário desde 05-04-2016
Já enviou 1 Definição.

1. Aurora

[substantivo feminino]
1 Rubrica: astronomia->claridade que aponta o início da manhã, antes do nascer do Sol.
2 Derivação: por extensão de sentido, sentido figurado; as primeiras manifestações de qualquer coisa; princípio.

3 Uso formal: cor branca rosada como a do amanhecer; rosicler.
4 Uso formal: o conjunto dos países a leste da Europa; oriente.
5 Rubrica: angiospermas; arbusto (Dombeya mollis) da fam. das esterculiáceas, nativo da África, cultivado como ornamental esp. pelas flores vistosas.
6 Rubrica: angiospermas. m.q. astrapeia (Dombeya wallichii).
7 Rubrica: angiospermas. m.q. rosa-louca (Hibiscus mutabilis).

[Mitologia] - Aurora (em latim: Aurora, em grego: ???????) é uma titânide e uma deusa do amanhecer na mitologia romana. Aurora é equivalente à deusa Eos da mitologia grega e à deusa hindu Ushas.
Nas histórias romanas, Aurora renovava-se todas as manhãs ao amanhecer e voava pelos céus anunciando a chegada do amanhecer.
Aurora é filha dos titãs Hiperião e Teia, tendo como parentes seus dois irmãos, o Sol, divindade solar (equivalente a Hélio na mitologia grega) e Luna, a deusa da lua (equivalente a Selene, na mitologia grega). Também tinha muitos maridos e quatro filhos: os ventos Norte, Leste, Oeste e Sul, um dos quais foi morto.
Um de seus maridos era Titono, a quem ela havia inicialmente tomado como amante. Aurora pediu a Júpiter para conceder a imortalidade a Titono, no entanto, deixou de pedir-lhe a juventude eterna. Como resultado, Titono acabou envelhecendo eternamente.
William Shakespeare faz referência a ela em Romeu e Julieta.


1 página - 1 Definição