Miguel Angelo de Azevedo (Nirez)

Usuário desde 25-12-2008
Já enviou 23 Definições.

23. Pelego

Puxa-saco, engrossador, subserviente, a serviço de outro como espião, espécie de laranja mal intencionado.

22. Tédio

aborrecimento que vem em conseqüência da "mesmice", a repetição do cotidiano, vida sem novidades, entediante.

21. Arrasta-pé

Festa de cunho popular onde se dança arrastando o pé. Não são usadas danças tipo slaão, como valsa, mazurca, etc. São usadas marchas, chotes, etc.

20. Dar no couro

Cumprir para o que veio, fazer o que lhe é incumbido de forma normal. O termo vem dos tocadores de bombo, tambor, cuíca, enfim todos os intrumentos musicais feito à base de coro onde se bate nele. Dar no couro corresponde a bater bem.

19. Fanfarrão

Aquele que se vangloria de ser forte, valente, rico, inteligente, contador de vantagens.

18. Amancebado

Unido a outro sem casamento nem civil nem religioso.

17. Manhoso

Aquele que é portador de manha, aconchegante

16. Pé de boi

presente, constante,

15. Trincado

Aquilo que foi quebrado mas que não se apartou, é como fraturar.

14. Chamar o hugo

Chamar o Hugo é uma expressão onomatopaica. Quando enguiamos proferimos algo parecido com a palavra Hugo, por isto passaram a chamar enguiar de "chamar o hugo".

13. Biboca

casa pequena sem nehum conforto; estabelecimento pequeno.

12. Abadá

Quando se iniciaram as festas de carnaval fora de época as vestimentas hoje conhecidas por abadá eram chamadas "mortalhas", mas devido a associação com morte, tristeza, foi transformado em abadá.

11. Arriar a massa

defecar

10. Cacife

qualidade ou conhecimento do assunto para poder abordá-lo.

9. Cagar na retranca

Dar um "fora", errar em relação a um fato.


2 páginas - 23 Definições