Rozimar Gomes da Silva Ferreira

Usuário desde 28-02-2008
Já enviou 15 Definições.

15. Candeio

ato de candear, ir a frente de bois puxando carro sobre rodas.

14. Rebuliço

alvoroço, agitação

13. Intransigente

Adjetivo uniforme para os dois gêneros
Indivíduo ou pessoa radical, rígida ou ríspida.
Intolerante, inflexível.

12. Frescura

substantivo abstrato feminino, mania de gostar de bajulação ou insistência para realizar ou aceitar algo.

11. Tesão

gosto, desejo, vontade, nem sempre relacionado a sexo. O vocábulo tem sido utiliado em várias acepções, relacionando-se as mais diversas formas de prazer.

10. Jararaca

pessoa perigosa, náo-digna de confiança, ataca rápido sem que o outro possa se defender. Traiçoeira.

9. Idem

A palavra idem é um adjetivo, ou circunstancialmente um advérbio. significa igual ou igualmente, ou do mesmo local, autor, etc.

8. Recíproco

morfologicamente é sempre adjetivo.
também de minha parte, ou também da outra parte a que se refere a reciprocidade

7. Lorota

explicação sem lógica, desarticulada, incongruente

6. Opa

Opa! É uma interjeição de largo uso na oralidade da Língua Portuguesa e o interessante é que sua expressividade é, geralmente, determinada pelo contexto.
a) Usa-se opa! quando as pessoas estão próximas a ir casualmente chocar-se uma com outra. Nessa situação, com um sorriso, ou com expressão de susto, diz-se apenas: Opa!!
b) Usa-se, principalmente em Minas Gerais, como um cumprimento seco, ou seja, mediante certa animosidade entre as pessoas, a interjeição funciona como um cumprimento, no lugar do Bom dia! ou do Boa Tarde!
c) É também utilizada para discordar de algo, em meio a um discurso, quando o discordante diz: Opa! Não é bem assim... e justifica seja o que for...
d) Usado por peões na comunicação com seus animais: cavalos, bois...

5. Opa

Opa! É uma interjeição de largo uso na oralidade da Língua Portuguesa e o interessante é que sua expressividade é, geralmente, determinada pelo contexto.
a) Usa-se opa! quando as pessoas estão próximas a ir casualmente chocar-se uma com outra. Nessa situação, com um sorriso, ou com expressão de susto, diz-se apenas: Opa!!
b) Usa-se, principalmente em Minas Gerais, como um cumprimento seco, ou seja, mediante certa animosidade entre as pessoas, a interjeição funciona como um cumprimento, no lugar do Bom dia! ou do Boa Tarde!
c) É também utilizada para discordar de algo, em meio a um discurso, quando o discordante diz: Opa! Não é bem assim... e justifica seja o que for...
d) Usado por peões na comunicação com seus animais: cavalos, bois...

4. Jururu

Relacionado a tristonho, melancólico, apático. A palavra mantém o significado de origem.
[Do tupi = 'estar tristonho'.]
Adj. 2 g. Bras.
1. Triste, melancólico. V. tristonho (1): "a ouvir o arrulho jururu dos pombos no sapê" (Coelho Neto, Sertão, p. 29).
2. Acabrunhado, abatido, cururu: "Nem fique aí para um canto, todo jururu, a pensar que .... nunca ninguém no mundo sofreu tão grande e amarga injustiça." (Vivaldo Coaraci, Cata-Vento, p. 207.)

3. Oreia-seca

Pessoa pouco inteligente, que demora a compreender ou interpretar um discurso. Usado nas mesmas situações em que se diria que alguém "é burro". Alguém que dá uma mancada, ou faz um mau negócio.

2. Vagabunda

A palavra sofreu alteração fonética. A primitiva era vamunda, ou seja, vagamundear era o mesmo que a andar a esmo pelo mundo, sem ter paradeiro certo, ou referindo-se a pessoas que não tinham ocupação ou trabalho. Há até uma relação analógica entre o significado de vagabunda e mulher de vida fácil, o que não se justifica concretamente.
Também se refere a pessoas que dependem do dinheiro de outras para sobreviverem.

1. Aflitivo

Que causa aflição.
Provocador; sistema em que se instaura a insegurança.


1 página - 15 Definições