Wagner

Usuário desde 09-03-2008
Já enviou 18 Definições.

18. Beleléu

Lugar indeterminado

17. Aperrear

zangar-se, aborrecer-se, importunar-se

16. Casa da mãe joana

A expressão "casa da mãe Joana" alude a lugar em que se pode fazer de tudo, onde ninguém manda, uma espécie de grau zero de poder. A mulher que deu nome a tal casa viveu no século XIV. Chamava-se, obviamente, Joana e era condessa de Provença e rainha de Nápoles. Teve vida cheia de muitas confusões. Em 1347, aos 21 anos, regulamentou os bordéis da cidade de Avignon, onde vivia refugiada. Uma das normas dizia: "o lugar terá uma porta por onde todos possam entrar". "Casa da mãe Joana" virou sinônimo de prostíbulo, de lugar onde impera a bagunça, mas a alcunha é injusta. Escritores como Jean Paul Sartre, em A prostituta respeitosa, e Josué Guimarães, em Dona Anja, mostraram como o poder, o respeito e outros quesitos de domínio conexo são nítidos nos bordéis.

15. Vá plantar batatas

A origem desta frase é portuguesa. Antigamente, em Portugal, país mais voltado às navegações e à pesca, a agricultura, conquanto fornecedora de alimentos básicos, era vítima de certo desdém. Algumas de suas culturas eram ainda mais depreciadas, como era o caso da batata, que demorou a entrar para a culinário portuguesa e brasileira. Era tida como alimento vulgar, e quem se dedicasse a plantar batatas estava se sujeitando a uma atividade desqualificada. A expressão aparece registrada em O povo português, obra do famoso poeta, folclorista e político lusitano Teófilo Braga (1843-1924), comentando a decadência das pequenas indústrias, ocasião em que trabalhadores qualificados, de repente sem emprego, foram aconselhados a plantar batata.

14. Cor de burro quando foge

Por acaso o burro muda de cor quando foge? Na verdade, a tradição oral foi modificando a frase, que inicialmente era ?corra do burro quando ele foge?. O burro enraivecido é mesmo perigoso.

13. Fazer nas coxas

A origem vem da época dos escravos, que usavam as próprias coxas para moldar o barro usado na fabricação das telhas. Como as medidas eram diferentes, as telhas saíam também em formatos desiguais. E o telhado, ?feito nas coxas?, acabava torto.

12. A vaca foi pro brejo

Faz referência a tempos difíceis, de seca, quando o gado parte em direção a brejos ou terrenos pantanosos em busca de água.

11. Cainha

Ato de ser sovina , mesquinho. Conheço essa palavra no linguajar tradicional mato-grossense..

10. Catira

Fazer troca. Expresão usada algumas cidades de Minas Gerais.

9. Nós vai

Jeito caipira de dizer nós vamos.

8. Ponhá

Maneira caipira de dizer pôr

7. Pisou na jaca

Erro cometido. "Pisar em uma jaca madura, com aspecto exterior firme, parece algo certo; porem acontecerá o inesperado, por dentro é mole e pegajosa, atolando o pé..."

6. Sem cuspi

Expressão usada para ato que acontece de maneira ríspida, sem lubrificação.
Inverso do uso comum que é a lubrificação do pênis com cuspi para a realização do ato sexual, facilitando a penetração..

5. Empata foda

Filho que faz com que os pais tenham "coito interruptus"
Filho que fica batendo na porta dos pais a noite querendo entrar. .
Filho que acorda na madrugada e vai para o quarto dos pais.

4. Pereba

Machucado com aspecto repugnante, machucado infeccionado.


2 páginas - 18 Definições